TUELA LIMA E O AMOR

Poesias de Amor

Textos


CAMINHOS PARA AMAR







Caminhos deslizantes no corpo apaixonante
Marcados por fortes pegadas na coxia
Mãos afagam a brancura da pele macia
Tecendo entalhando um contorno alucinante

Brisa suavemente desliza e cala
Perfume com a fragrância do amor
Mãos na direção da mais viva cor
Ardente abrasador perfume que exala

Suavidade e paixão extasiam a visão púrpura
No momento o cingir e nos passos um enlace
Sinal da noite faz cobiçar um universo

Entre o tempo e o vento a alvura
Na fronteira sem incerteza na face
Desfaz-se o abismo do amor contido no verso















ASSIM É O AMOR

 
 
(Rondel)
 
 
 
 As tuas mãos me afagam docemente,
 despertando a paixão adormecida,
 que incendeia o meu corpo, a minha mente,
 pois amar-te é a razão da minha vida.
 
 
 Eu que andava caminhando distraída,  
 sigo, agora, uma estrada diferente.  
 As tuas mãos me afagam docemente,  
 despertando a paixão adormecida.  
 
 
Quero apenas que me ames, tão somente,  
desse amor serei sempre agradecida,  
é a luz que ilumina o meu presente,
o remédio que cura qualquer ferida.  
As tuas mãos me afagam docemente...
 
 
 
 
Abrçs.
Hluna
 
 
Obrigada Hluna pelo carinho, sinto-me honrada. Você abrilhantou a minha página com sua inspiração.





Tuela Lima
Enviado por Tuela Lima em 25/01/2011
Alterado em 27/01/2011

Música: After the Rain - Cortazar

Copyright © 2011. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras